O que é ?

O Registo Gráfico é a captação do conteúdo de um orador ou grupo de oradores e tem como finalidade facilitar a compreensão e/ou aprendizagem. É uma ferramenta poderosa que permite que um evento seja visualizado e gera documentação útil para os participantes e/ou público. O produto final é um resumo visual com as mensagens chave logo no final do seu evento.

Qualquer empresa, organização ou associação nas mais variadas áreas pode beneficiar bem como eventos como: conferências, palestras, apresentações, ou até mesmo reuniões de trabalho.

Os fundamentos

Ciência Cognitiva

Segundo William Glasser, o nosso cérebro apreende e retém:
10% do que lemos,
20% do que ouvimos,
30% do que vemos,
40% do que vemos e ouvimos,
70% do que é discutido com outras pessoas,

Complexidade

Em situações em que a informação é densa ou o nível de complexidade é alto, o uso de elementos visuais adiciona grande valor e facilita a percepção e compreensão geral. Os elementos visuais captam a atenção e aumentam o nível de atenção e comprometimento.

Combinar comunicação verbal com comunicação visual e, assim, abordando diferentes sentidos, tem impacto na forma como as pessoas percepcionam a informação e retêm os factos nas suas memórias.

Pensamento Visual

Pensamento Visual é uma maneira de organizar os pensamentos/informação e melhorar a capacidade de pensar e comunicar. É uma óptima maneira de transmitir informações complexas ou potencialmente confusas.

Porquê ?

Dinâmica

Os desenhos/pinturas em grande escala criam um efeito visual em tempo real durante o seu evento. As informações relevantes serão captadas numa imagem física que poderá ser utilizada para além do evento propriamente dito.

Resumo

Podem criar-se relações entre os vários tópicos e conteúdos e as diferentes perspectivas ficam disponíveis para todos os interessados. Depois do evento, o Mapa Visual torna-se um documento com o registo do progresso e direcção do encontro.

Perspectiva

O Mapa Visual é uma ferramenta poderosa porque a audiência vê a sua criação em correlação com a sua própria experiência. Sendo as imagens de cariz subjectivo e emocional, os participantes podem retirar a sua própria interpretação e relembrar os seus próprios momentos.

Exemplos

Quem sou ?